Reeducação alimentar – inclusão da Ricota e Tapioca

crepioca

Oi amigas….

     Hoje vim contar para vocês sobre as mudanças que pratiquei no meu processo de reeducação alimentar – inclusão da Ricota e Tapioca, são fáceis as substituições e com carinho, capricho e muita força de vontade, não troco mais, falo hoje sobre estes dois ingredientes, que são coringas no meu armário e geladeira, muito do que coloco aqui aprendi com uma amiga muito querida, uma nutricionista muito paciente, kkkkk e muitas pesquisas na internet.

     Você deve ter ouvido falar da ricota, para ser sincera nunca dei muita bola para ela, sempre olhei torto nas minhas visitas à feira, porém aprendi que diferentemente dos outros queijos, que são feitos com o soro do leite, a ricota é elaborada a partir do soro do queijo, o que a torna mais nutritiva, leve e com menor teor de gordura,  traz como benefícios aumento da massa muscular e melhora do sistema ósseo, por ser rica em cálcio, é capaz de auxiliar até o fortalecimento dos dentes, prevenção da osteoporose, e diferentes funções orgânicas!

     Porém, nem tudo são flores, e como já citei no post sobre reeducação alimentar, devemos sempre procurar auxílio de profissionais capacitados, pois a ricota é contra indicada para diabéticos por aumentar o nível de glicose e, para pessoas com intolerância a lactose.

     Se você não possui contra indicações e esta na luta para fazer a reeducação alimentar, vim te dar uma ideia da vantagem desta troca, 100g desse queijo tem em média umas 140 calorias, 8g de gordura e 3,6% de lactose, mas ele tem sabor neutro e não derrete, portanto não tem aquela apresentação fenomenal né? Vamos dar um jeitinho de colocá-lo à mesa agradando aos olhos e ao estômago também:

     O grande segredo é temperar, alho, orégano, azeite (não muito), pimenta, azeitonas picadas, atum light, frango desfiado, cenouras raladas, tomate picado, você pode dar uma breve olhada em sua geladeira e descobrir infinitos sabores, não esqueça de acrescentar um pouco de sal, mas com moderação, cuidado com o sódio. Se tiver algo tipo manjericão ou cebolinha, também é ótimo, amasse bem a ricota com o garfo, e misture aos temperos já homogeneizados, logo em seguida acrescente os tomates, ou restante de ingredientes separados para a preparação.

     Além de ficar muito bom, você pode utilizar de diversas maneiras, na salada, com torradas, pão integral, tapioca, a famosa crepioca, enfim você encontrará em sua cozinha mil maneiras de utilizar esta preparação para fugir do tradicional. Com sua criatividade poderá consumir durante o dia todo em diversas ocasiões, pois poderá utilizá-la desde um petisco delicioso para se comer durante a tarde, enquanto assiste a um filme ou junto com alguma refeição diária.

tapioca

     Para incluir novos alimentos em nossa alimentação, são necessários algum fatores: força de vontade, conhecimento e criatividade, muito se fala sobre a substituição dos pães por tapioca, esta é livre de glúten, rico em carboidratos e ideal para garantir a saciedade. Típica das regiões Norte e Nordeste do Brasil, a tapioca é feita com a fécula da mandioca, substância farinácea extraída de raízes tuberculosas, que dá origem ao polvilho doce (goma de mandioca) e vem ganhando ganhando cada vez mais espaço entre as dietas, ideal para quem está iniciando na reeducação alimentar, pois auxilia no processo de perder peso, e esta não possui contra-indicações para diabéticos, desde que tome cuidado com os recheios.

     Eu, particularmente passei a adorar a tapioca no café da manhã, muito rápida de fazer e substitui o pão em muito mais saciedade, eu uso aproximadamente três colheres (sopa) de goma para cada tapioca. Já esquento a frigideira enquanto separo os utensílios, utilizo uma peneira, uma colher de sopa, uma espátula e um prato, antes de colocar a goma na panela, é bom passá-la pela peneira para evitar os grumos eu já faço isso na própria frigideira, com o tempo vamos nos habituando, espalhando delicadamente para cobrir o fundo e virar um disco, conforme vai aquecendo vou juntando e apertando com a colher até sentir que está firme e possa virá-la, aí troco a colher pela espátula e viro a minha tapioca, rapidamente estará pronta para ir ao prato e ser recheada, separe o recheio que você vai usar, cuidado é aí que mora o perigo!!!!  A quantidade é por sua conta, mas pense que você vai dobrar a tapioca na metade e que muito recheio pode atrapalhar e engordar.

     Como vocês sabem comecei a reeducação alimentar e a pratica de exercícios físicos há aproximadamente 1 ano e meio, no início com caminhadas, e aos poucos aderi ao prazer das corridas, para este a tapioca é bem indicada antes ou depois dos treinos, podendo incrementar com sementes de chia e recheios doces como banana amassada e canela.

     Pode ser usada também em outras refeições, como a crepioca, já esta possui uma maior quantidade de proteínas que a tapioca normal e ajuda a ganhar massa magra, nada mais é que a junção da tapioca com ovo ou leite, daí o seu poder de aumentar a saciedade, concentração e disposição, eu gosto muito de fazer uso dela após os treinos afinal como utilizo ovo e a clara é rica em proteínas, pode ajudar a recuperar os músculos após a malhação, além de dar uma forcinha para acabar com a flacidez da pele, uma vez que estimula a produção de colágeno pelo organismo.

     Eu faço como se fosse uma omelete, bato 1 ovo e 2 claras acrescento 2 colheres de sopa de tapioca peneiradas, acrescento temperos e o velho sorobô, kkkkk, quer dizer dou aquela espiadinha básica na geladeira e acrescento o que tem lá, um peito de frango desfiado, carne moída, legumes cozidos picados, ricota com cenoura temperada, enfim, eu acho sempre alguma coisinha magra, coloco minha cebolinha, orégano, sal e transfiro para a frigideira e como uma omelete rapidinho fica pronta!!!!!

     Me garante tranquilamente uma refeição, pois incorporo uma salada caprichada e bora pra luta!!!!! Espero que gostem das dicas e informações que coletei neste meu processo de reeducação alimentar.

assinatura-Bia

Um comentário para Reeducação alimentar – inclusão da Ricota e Tapioca

  • Eliane  Diga:

    É de grande serventia a suas dicas . Obrigado! G

Deixe um comentário: