Abertas vagas para bolsistas do Escola da Família

diploma-1390785_960_720

Oi amigas….

Começou o período de inscrições para bolsistas do Programa Escola da Família. As informações do termo de adesão, necessárias ao cadastro de novos membros, podem ser encontradas nesse link.

Para participar do Programa, os interessados precisam ter Ensino Médio completo, serem maiores de idade e estarem matriculados em uma instituição de Ensino Superior, que tenha convênio com o Secretaria de Educação do Estado de São Paulo e a FDE (Fundação Para o Desenvolvimento da Educação).

Atividades de lazer, esporte, cultura, artes e qualificação profissional integram o calendário de ações desenvolvidas em mais de 2,3 mil unidades escolares estaduais e municipais de 594 municípios paulistas aos fins de semana. As atividades com os novos bolsistas começarão no dia 3 de março.

Sobre o Programa

O Programa Escola da Família tem 14 anos de ações que integram escola e comunidade. Entre março e outubro de 2017, mais de 10 mil bolsistas desenvolveram trabalhos dentro da iniciativa, e as atividades são as mais variadas. É possível encontrar cursos de idiomas, mutirões de limpeza, cursos de artesanato e pintura, workshops, cursos preparatórios para o vestibular e oficinas de esportes que vão além do tradicional futebol.

Bolsa Universidade

Para se candidatar, o interessado deverá acompanhar o cronograma de inscrição.  Caso não possua cadastro, o universitário deve clicar na área “candidato” do sistema e em seguida “cadastro do candidato”.

Caso já tenha se cadastrado, é preciso apenas fornecer número do CPF e a senha para efetuar a inscrição.  Vale ressaltar que será possível o cadastro somente no período de inscrição.

  • Faça aqui sua inscrição no Bolsa Universidade

O Bolsa Universidade é um convênio estabelecido entre o Governo do Estado de São Paulo e as Instituições de Ensino Superior, por meio da Secretaria. A Educação custeia 50% do valor da mensalidade do curso de graduação, até o limite de R$ 500,00 (quinhentos reais), e o restante é assumido pelas Instituições de Ensino Superior.

Como contrapartida, os bolsistas desenvolvem, aos finais de semana, em escolas estaduais ou municipais (dos municípios conveniados) do Estado de São Paulo, atividades compatíveis com a natureza de seu curso de graduação, e/ou de acordo com as suas habilidades pessoais. Exemplos: aula de violão (habilidade pessoal), curso de contabilidade básica (compatível com curso de graduação).

As comunidades podem, assim, participar de atividades das mais diversas naturezas, ampliando seus horizontes culturais.

Para os universitários, o desenvolvimento de projetos junto às comunidades participantes proporciona experiências que acrescentam valores importantes à sua formação acadêmica, como a solidariedade e a responsabilidade social.

Como se inscrever?

Estudante universitário, concluinte do Ensino Médio em qualquer rede de ensino no Brasil, pode se inscrever no programa, durante o período em que as inscrições estiverem abertas.

As atividades desenvolvidas nas escolas poderão ser organizadas nos quatro eixos de atuação do Programa Escola da Família: Esporte, Cultura, Saúde e Trabalho.
Para se candidatar é preciso:

  • estar regularmente matriculado em faculdade conveniada com o Programa Bolsa Universidade;

 

  • não receber outra bolsa, financiamento ou similar, vindos de recursos públicos;

 

  • ter disponibilidade para atuar como educador universitário no Programa Escola da Família, em escolas estaduais ou municipais do Estado de São Paulo, aos finais de semana;

 

  • não possuir nível superior completo.

 

Para conhecer as faculdades conveniadas e efetuar sua inscrição, acesse o sistema

Fonte: Governo do Estado de São Paulo

Sempre Mais, trazendo opções para colocar aquele sorriso lindo em seu rosto!

assinatura-Bia

Deixe um comentário: